10 de ago de 2011

Reynaldo Gianecchini sobre linfoma: "Estou pronto para a luta"

Ator está internado em São Paulo no hospital Sírio Libanês, onde foi confirmado diagnóstico
QUEM Online; Foto: Divulgação/TV Globo
Divulgação/TV Globo 
Reynaldo Gianecchini, que  recebeu um diagnóstico inicial de linfoma do tipo não-Hodgkin (um tumor que atinge os gânglios linfáticos), mandou um recado ao público por meio de sua assessoria de imprensa. "Estou pronto para a luta e conto com o carinho e o amor de todos vocês." De acordo com a Central Globo de Comunicação, estão sendo realizados novos exames para a especificação adequada da doença.
O ator está internado no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. A informação sobre a doença foi confirmada pela assessoria de imprensa do hospital nesta quarta-feira (10). Um boletim médico sobre o estado de saúde de Gianecchini deverá ser liberado apenas após o resultado dos exames.
Há cerca de um mês, Gianecchini passou por uma cirurgia de hérnia inguinal.  Após a intervenção, sofreu uma infecção na perna e uma reação alérgica. Há algumas semanas, o ator tem reclamado de dores na região do pescoço. Segundo fonte de QUEM, no último dia 27 de julho o ator passou por uma bateria de exames no mesmo hospital, mas não obteve um diagnóstico preciso. Na sexta-feira (29), ele retornou ao Sírio Libanês, onde ficou em observação.
O ator estava em cartaz em São Paulo com a peça "Cruel", mas teve de se afastar temporariamente do trabalho. A apresentação que aconteceria na segunda-feira (8) não foi realizada e o retorno do ator aos palcos ainda está indefinido. Afastado da televisão desde sua participação em "Passione", o ator está reservado para o remake de "Guerra dos Sexos" e escalado para o elenco do musical "Cabaré" ao lado de Cláudia Raia.

SAIBA MAIS SOBRE O LINFOMA NÃO HODGKIN
Segundo informações do site do INCA, os linfomas são neoplasias malignas, originárias dos gânglios (ou linfonodos), organismos muito importantes no combate a infecções. Há mais de 20 tipos diferentes de linfoma não-Hodgkin. Entre os linfomas, é o tipo mais incidente na infância. Por razões ainda desconhecidas, o número de casos duplicou nos últimos 25 anos, principalmente entre pessoas com mais de 60 anos. Personalidades como Dilma Rousseff e a autora de novela Glória Perez já tiveram a doença.

Postagens populares

Twitter

 
Cantinho da Mah Morenah | por Templates e Acessórios ©2010