9 de jul de 2013

Miguelzinho o gatinho guerreiro

Amados (as) eu amo animais, principalmente cães e gatos , eu tenho 4 cães e 3 gatos, um dia conto a história deles,
Porque hoje vim aqui pra falar do Miguelzinho, um gatinho guerreiro , que quando li a história dele chorei muito.
Ele vive com sua dona , a Charllote que pra mim é um anjo. Com minhas palavras jamais vou conseguir contar sua
história ,  então copiei la da página dele.
Foto: ► Faça parte das aventuras do gatinho Miguelzinho curtindo nossa página > Miguelzinho

Bom dia titios e titias,

continuo doente, ontem de noite fui na titia vet Rosely, mas eu estava com tantas dores, mas tantas, que ela nem teve coragem de realizar a lavagem intestinal por completo, iniciou e 5 mnts depois parou, titia vet acha que pode ser gases e a infecção urinária que já está crônica.

Ontem vomitei, e desde a tarde de ontem até agora não comi nada, já tomei remédio para estomago, mas não adiantou, se eu continuar assim vou entrar no soro novamente e isso não é legal. :/

Peço que me envie energias positivas, pois estou muito dolorido, hoje a febre sumiu, eu não dormi nada bem a noite toda.

...

Gostaria muito de agradecer todo o amor e carinho que vocês, titios e titias tem por mim!! Obrigado pelo apoio!!

Quero agradecer também o apoio com nosso livrinho, vão amar, tenho muita fé!!

Só tirando uma dúvida caso as tenha, quem comprar o livro pela vakinha não precisa enviar comprovantes por e-mail, pois na vakinha tem seus dados como nome completo, e-mail, valor e informa se foi pago ou não. Super fácil, assim que conseguimos arrecadar todo o dinheirinho para a impressão do livro e com ele já em mãos, nós entraremos em contato solicitando endereço e faremos o envio!

Tá legal?? rss

Lambeijocas do Miguelzinho <3

“Hoje, é um dia muito especial não só para mim, mas para todos nós... O dia em que eu nasci de novo e para aqueles que ainda não conhecem o inicio da minha história de vida e pensa que sou um simples gatinho bonito de olhos azuis, peço que leia o seguinte texto:

~~~ x ~~~

A um ano atrás, sendo mais exato no dia 28/06/2012, quem deveria zelar por minha vida e de meus irmãozinhos, nos colocou em uma grande caixa de papelão em uma manhã deserta, dentro, colocou batata palha para saciar a fome de pequenos bebês gatinhos de apenas 20 dias de vida...

E lá fomos colocados ao lado de um valão, a ideia poderia ser que alguém passante ao nos ver ali, sozinhos e indefeso nos levasse para casa, mas infelizmente isso não foi o que acontece... Alguém deitou nossa caixa, então, começamos a correr pela rua, seguindo qualquer um que passava, miando, queríamos nossa mamãe ao invés daquelas batatas horrorosas...

foi quando uma mulher passando viu a cena, ela nos pegou e tentou colocar de volta na caixa mas continuávamos a segui-la, uma criança apareceu, me pegou no colo e me levou para sua casa, logo eu... Sua mãe não me queria e imediatamente mandou me jogar no mesmo lugar onde me encontro... A criança não seguiu os pedidos de sua mãe, colocou-me ao lado de seu portão, eu queria me abrigar, queria achar minha mamãe, por isso tentei entrar, nessa hora, o garoto fechou o portão me presando entre o muro e o portão de ferro...

Consegue imaginar a pior dor do mundo?? Alguns consegue, eu a senti... nem imaginam o quanto eu gritei, rodei no chão, chorei, pedi a Deus para aquela dor sumir... Mas meu desejo não foi concedido... Aquela mesma senhora que passava e que tentou colocar eu e meus irmãos na caixa presenciou a minha agressão, viu meu sofrimento, meu desespero, minha dor e simplesmente por puro egoismo me ignorou, falou para si mesma que EU NÃO ERA UM PROBLEMA DELA e que logo eu iria morrer, pra quê ajudar né??

...

A mãe da criança ouvindo meus gritos, me pegou pelo pescoço e me jogou de volta para caixa e lá fiquei, o dia tornou-se noite, a noite virou madrugada, veio o frio, o sereno, a chuva... meus irmãos desapareceram, não se ouvia mais nenhum miado, nem o meu próprio... acinzentado, gelado, enroladinho, cheio de pulgas e formigas que me devoravam vivo... pensava, porquê demorava tanto para partir?? Queria logo me encontrar com meus irmãos, assassinados por outras crianças da rua... afogados de forma cruel e brutal... porquê pessoas que deveriam nos auxiliar nos abandonam, maltratam e matam?? 

Adormeci, a manhã do dia (29/06/2012) veio e junto dele alguém, sim, alguém muito especial. Senti alguém me cutucar de leve, mas a dor era tamanha que não me mexi, já estava desfalecendo... quando senti a mesma mão me empurrar com mais força e assim reagi. Não conseguia enxergar pois estava "cego" de tanta remela, a mesma pessoa que me tocou, me pegou no colo, me colocou coladinho em seu peito, senti seu calor e o bater de seu coração acelerado... Suas primeiras palavras fora "vai ficar tudo bem, você vai ficar bem"... 

Me levou para sua casa, me alimentou, cuidou de meus olhos e nesse meio tempo descobriu que eu estava paraplégico... MUITOS VETERINÁRIOS IGNORANTES indicaram a eutanásia, mas minha nova mãe e guardiã se negou, mesmo não sabendo das dificuldades que passaríamos juntos, NUNCA DESISTIU DE MIM!!

Hoje, se estou aqui é graças a ela que lutou e ainda luta por mim... sofri uma grave lesão medular onde se rompeu nervos importantes do controle intestinal e urinário, o que me faz reter fezes e urina.

Nossa luta é eterna e sei que muitos titios e titias, colaboraram para que eu estivesse completando esse um ano de resgatado e agradeço muito!! Vocês são muito especiais para mim e para minha mamãe!!

OBRIGADO!!

Miguelzinho “

29/06/2013
Foto: Curtam Miguelzinho e compartilhem.
► POSTAGEM ESPECIAL!! POR FAVOR LEIAM...

Hoje, é um dia muito especial não só para mim, mas para todos nós... O dia em que eu nasci de novo e para aqueles que ainda não conhecem o inicio da minha história de vida e pensa que sou um simples gatinho bonito de olhos azuis, peço que leia o seguinte texto:

~~~ x ~~~

A um ano atrás, sendo mais exato no dia 28/06/2012, quem deveria zelar por minha vida e de meus irmãozinhos, nos colocou em uma grande caixa de papelão em uma manhã deserta, dentro, colocou batata palha para saciar a fome de pequenos bebês gatinhos de apenas 20 dias de vida...

E lá fomos colocados ao lado de um valão, a ideia poderia ser que alguém passante ao nos ver ali, sozinhos e indefeso nos levasse para casa, mas infelizmente isso não foi o que acontece... Alguém deitou nossa caixa, então, começamos a correr pela rua, seguindo qualquer um que passava, miando, queríamos nossa mamãe ao invés daquelas batatas horrorosas...

foi quando uma mulher passando viu a cena, ela nos pegou e tentou colocar de volta na caixa mas continuávamos a segui-la, uma criança apareceu, me pegou no colo e me levou para sua casa, logo eu... Sua mãe não me queria e imediatamente mandou me jogar no mesmo lugar onde me encontro... A criança não seguiu os pedidos de sua mãe, colocou-me ao lado de seu portão, eu queria me abrigar, queria achar minha mamãe, por isso tentei entrar, nessa hora, o garoto fechou o portão me presando entre o muro e o portão de ferro...

Consegue imaginar a pior dor do mundo?? Alguns consegue, eu a senti... nem imaginam o quanto eu gritei, rodei no chão, chorei, pedi a Deus para aquela dor sumir... Mas meu desejo não foi concedido... Aquela mesma senhora que passava e que tentou colocar eu e meus irmãos na caixa presenciou a minha agressão, viu meu sofrimento, meu desespero, minha dor e simplesmente por puro egoismo me ignorou, falou para si mesma que EU NÃO ERA UM PROBLEMA DELA e que logo eu iria morrer, pra quê ajudar né??

...

A mãe da criança ouvindo meus gritos, me pegou pelo pescoço e me jogou de volta para caixa e lá fiquei, o dia tornou-se noite, a noite virou madrugada, veio o frio, o sereno, a chuva... meus irmãos desapareceram, não se ouvia mais nenhum miado, nem o meu próprio... acinzentado, gelado, enroladinho, cheio de pulgas e formigas que me devoravam vivo... pensava, porquê demorava tanto para partir?? Queria logo me encontrar com meus irmãos, assassinados por outras crianças da rua... afogados de forma cruel e brutal... porquê pessoas que deveriam nos auxiliar nos abandonam, maltratam e matam?? 

Adormeci, a manhã do dia (29/06/2012) veio e junto dele alguém, sim, alguém muito especial. Senti alguém me cutucar de leve, mas a dor era tamanha que não me mexi, já estava desfalecendo... quando senti a mesma mão me empurrar com mais força e assim reagi. Não conseguia enxergar pois estava "cego" de tanta remela, a mesma pessoa que me tocou, me pegou no colo, me colocou coladinho em seu peito, senti seu calor e o bater de seu coração acelerado... Suas primeiras palavras fora "vai ficar tudo bem, você vai ficar bem"... 

Me levou para sua casa, me alimentou, cuidou de meus olhos e nesse meio tempo descobriu que eu estava paraplégico... MUITOS VETERINÁRIOS IGNORANTES indicaram a eutanásia, mas minha nova mãe e guardiã se negou, mesmo não sabendo das dificuldades que passaríamos juntos, NUNCA DESISTIU DE MIM!!

Hoje, se estou aqui é graças a ela que lutou e ainda luta por mim... sofri uma grave lesão medular onde se rompeu nervos importantes do controle intestinal e urinário, o que me faz reter fezes e urina.

Nossa luta é eterna e sei que muitos titios e titias, colaboraram para que eu estivesse completando esse um ano de resgatado e agradeço muito!! Vocês são muito especiais para mim e para minha mamãe!!

OBRIGADO!!

Miguelzinho <3
29/06/2013


Isso foi postado no dia que ele completou um ano de vida , desde que vi essa história curti a página e não consigo ficar um dia sem notícias dele.

Galera se alguém quiser ajudar esse Guerreiro que é um exemplo de superação de vida...
Vou deixar os links pra vocês!!!

Espero que como eu vocês também se apaixonem por esse gatinho !

Foto: ► Faça parte das aventuras do gatinho Miguelzinho curtindo nossa página > Miguelzinho

Temos novidades!!
Mas não vou contar agora!!

Vou deixar que essa foto diga por mim. 

Lambeijocas do Miguelzinho <3

Veja aqui como participar do projeto Miguelzinho - O Livro (http://migre.me/fg7yR)
Página da nossa vakinha:http://www.vakinha.com.br/VaquinhaP.aspx?e=204514
Link do nosso vídeo: http://www.facebook.com/photo.php?v=415025115278264
E-mail para contato: contato.miguelzinho@gmail.com — comMiguelzinho Meyer e Vaulíria Singer.

2 comentários:

Postagens populares

Twitter

 
Cantinho da Mah Morenah | por Templates e Acessórios ©2010